5 de agosto de 2018

Resenha: Sonho de uma Noite de Verão

Oi pessoal! Mais uma review para vocês e essa é de um super clássico da literatura. Sonho de uma Noite de Verão, de autoria de William Shakespeare, é uma peça teatral que foi publicada em torno dos anos 1600.

Nós acompanhamos o relacionamento de Hermia e Lisandro, que decidiram fugir pois não podiam se casar devido a proibição do pai da moça. Seu pai preferia que sua filha se casasse com Demétrio, que também a amava, mas quem o amava verdadeiramente é Helena.

Basicamente o quadrângulo amoroso da história é esse: Helena ama Demétrio, que ama Hérmia, que ama Lisandro, que também a ama.

Contudo, Hérmia e Helena são amigas, e foi para Helena que Hérmia revelou seu plano de fugir com Lisandro. Imaginando que teria alguma atenção de Demétrio (achei burrice da parte dela), Helena conta para ele o plano da amiga. E é por conta dessa traição que quando o casal proibido foge, são seguidos por Demétrio e ele é seguido por Helena (obviamente indignada por não ter a atenção desejada por parte do amado).

Os quatro entram em uma floresta onde criaturas mágicas vivem. E é a partir daí que toda a emoção da história começa de fato.
O rei das fadas, Oberon, estava com seu elfo Puck e ambos estavam tramando um plano com a intenção de elaborar uma pegadinha para Titânia, rainha das fadas, pois os dois estavam brigados. O plano envolvia uma poção do amor, e como vocês podem imaginar, tudo saiu de controle. Não vou contar todos os detalhes pois estaria dando spoilers e perderia a graça caso vocês forem ler. Mas posso adiantar que houve vários feitiços, piadas e pessoas apaixonadas pela pessoa errada.

É uma leitura rápida, engraçada e com várias referências à mitologia grega e elementos de fantasia, que a princípio parecem muito modernas para uma história tão antiga. A história fala sobre a vida, consequências de erros que nós cometemos e o quão cego o amor pode ser. Se você quer algo rápido para conhecer um pouco sobre o trabalho de Shakespeare, além de umas doses de risos, o livro vale totalmente a pena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leave your comment!