11 de fevereiro de 2019

Resenha: A Carta Roubada


Título: A Carta Roubada
Autor(a): Edgar Allan Poe
Ano: 1844 (1ª publicação)
Gênero: Policial
Editora: Panda Books

Oi pessoal! Fiz a resenha de mais um conto para vocês, A Carta Roubada de Edgar Allan Poe. Foi o primeiro livro que li dele, que na verdade é um conto, e conto para vocês como foi essa experiência. Vamos à sinopse? 

Em ''A carta roubada'', o investigador Chevalier Auguste Dupin precisa decifrar um mistério: quem teria roubado a valiosa carta do ministro D.? Intrigas políticas e alta sociedade, um ministro ladrão, um policial incansável e um investigador que sabe raciocinar com uma lógica diferente são os personagens desta clássica obra de Edgar Allan Poe.

Sempre tive muita curiosidade de ler algo do Poe, e finalmente matei minha vontade. Como um dos meus gêneros preferidos de leitura é o policial, comecei com esse título. Por ser um conto, a história é bem curtinha, rapidamente você termina de ler. Algumas pessoas podem achar o enredo maçante, mas não achei isso um problema, talvez pelo tamanho da história. Conhecemos o detetive Dupin, que pelas minhas pesquisas sobre o autor, é utilizado em outras duas histórias.

O grande mistério do livro onde está a carta que foi roubada, tem poucas páginas para ser desenvolvido, e é feito de uma maneira precisa e rápida, deixando o leitor intrigado, claro que não por muito tempo. A solução do mistério vem com uma lição que podemos levar para a vida: as vezes aquilo que achamos que está complicado pode ser mais fácil do que parece.

Para um primeiro contato com a escrita de Poe, estou bem satisfeita. Espero ler mais títulos no futuro para ter uma opinião mais sólida sobre a escrita do autor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leave your comment!